Prefeitura de Varginha inicia Programa “Saúde em Casa”

Prefeitura de Varginha inicia Programa “Saúde em Casa”

26 de maio de 2020 1 Por Redação JVH

Entrega de medicamentos na casa de idosos e pessoas do grupo de risco começou na segunda-feira, 25 de maio

Para minimizar a circulação de idosos e pessoas do grupo de risco do Covid-19 de irem até as Unidades de Saúde para a busca de medicamentos, a Prefeitura de Varginha está disponibilizar o serviço: Saúde em Casa que começou na segunda-feira, 25, em Varginha.

Essa é uma iniciativa inédita do Prefeito Vérdi Melo, em parceria com a equipe da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo a farmacêutica Daniela Aparecida de Abreu, responsável pela coordenação do projeto, “a ideia do Prefeito Vérdi foi abraçada imediatamente pela equipe da Semus. Setenta por cento das pessoas cadastradas no setor de medicamentos são da área de risco, e o prefeito foi brilhante ao nos pedir por este serviço que tem por finalidade zelar por nossos idosos e grupos de risco. Isso só vem reforçar o cuidado do prefeito com a nossa população”, disse Daniela.

O Saúde em Casa é um programa de atendimento exclusivo para as pacientes do grupo de risco: idosos, diabéticos e pessoas com hipertensão que já façam uso contínuo de medicamentos provenientes da farmácia básica do SUS.

O serviço funciona de segunda a sexta, das 7:30 as 16:30 por meio dos seguintes telefones: 9 76 01 09 02; 9 76 01 09 03; 9 76 01 09 04; 9 76 01 09 04 e 9 76 01 09 05 que estarão acessíveis, preferencialmente, via whatsapp.

No momento da solicitação, a pessoa precisa ter em mãos a receita médica e cartão do SUS que deverão ser fotografados e enviados pelo aplicativo indicado. É importante também que o paciente informe o endereço exato onde a medicação será entregue, caso não seja possível, entrar em contato. A expectativa é que a medicação possa ser entregue dentro de um prazo mínimo de 24 horas.

O projeto é pontual e a princípio estará disponível a população apenas durante este momento de pandemia. Segundo o prefeito Verdi “essa medida preventiva é muito importante, sobretudo para que o grupo de risco se mantenha em casa. Se todos contribuírem, brevemente conseguiremos vencer esta situação”.

Números de telefones:

(35) 9 7601-0902

(35) 9 7601-0903

(35) 9 7601-0904

(35) 9 7601-0905